quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Sua ausência

Ao não ver seu olhar
Vejo sua falta
Ao não escutar sua voz
Recordo da melodia da sua presença
Ao não sentir seu abraço
Me faz falta a sensação de ter a alma beijada

Nenhum comentário: